A Corrida Ajuda Curar a Depressão

Todo mundo uma vez ou outra na vida se sente triste ou deprimido. Pode ser uma reação natural à perda, aos desafios da vida e à baixa auto-estima. Mas, às vezes, o sentimento de tristeza dura longos períodos e chega a ser tão intenso que retira a pessoa da vida normal.

Curar a Depressão

A Organização Mundial da Saúde calcula que, em vinte anos, a depressão ocupará o segundo lugar no ranking dos males que mais matam.

A prática do exercício físico pode ser uma alternativa saudável para combater essa doença. Isso porque, através da prática regular, haverá um aumento da disposição e a melhora do humor, e assim curar a depressão.

“A endorfina faz com que o praticante da corrida, após o exercício, fique mais relaxado e tranquilo, deixando o humor cada vez mais estável para quem se exercita de forma regular. E o mais importante: afasta do praticante o desânimo e a apatia, característicos da depressão”, afirma Raísa Lobato, psicóloga esportiva da equipe de Carla Di Pierro.

“O aumento da frequência cardíaca, durante o exercício, faz com que todo o organismo passe a absorver e utilizar mais oxigênio, tanto para os músculos quanto para o sistema nervoso central”, esclarece Wanderlei de Oliveira, diretor da Federação Paulista de Atletismo e da Run for Life (SP)

Contudo, é muito importante saber que, apesar da corrida ser benéfica, não se pode abandonar o tratamento com psicólogos e/ou psiquiatras.

Por Que Viver Amanha, O Que Você Pode Viver Já?
Qualidade de Vida é Para Ser Dia a Dia
Física, Emocional e Espiritual (Corpo, Alma e Espírito)
Viva Já!